#20 - Fallen Bird!





              O dia estava calmo em Pallet Town, os Pidgey levantavam voo do telhado de uma casa para rasgar os céus azuis com seus amigos tudo parecia estar perfeito, incluindo na Squirtle Shell, onde os membros relaxavam após mais uma grande missão, mas algo iria acontecer que perturbaria esta paz, Misty uma das guerreiras da Fearow's Beak adentra bruscamente a guilda dos nossos heróis, suas roupas estavam sujas e rasgadas, tinha feridas por todo o corpo e mostrava alguma dificuldade em se manter de pé.

            Ash logo se levantou do conforto de sua cadeira para amparar a garota que lhe caia nos braços, o garoto logo a levou para o grande sofá em frente da lareira, onde a deitou.

            — Ajuda... eu preciso de ajuda... — os ferimentos começavam a surtir efeito na ruiva, o seu rosto estava vermelho, a respiração ofegante e os seus olhos mal abriam.

            — Ela está ardendo em febre — constatou Daisy que tocava na testa de Misty — o que aconteceu com você.

            — A minha guilda... — Misty deixava cair uma lágrima pelo rosto.

            — Sua guilda? Que aconteceu? — O professor Oak se senta em uma cadeira olhando para a garota enquanto a sua neta, Daisy, colocava um pano molhado na testa para arrefecer.

           Mesmo com alguma dificuldade com as palavras, Misty começou a contar o que acontecera. O combate que a Fearow's Beak teve com a Squirtle Shell em Mt. Moon tinha sido intenso e os membros da guilda de Cerulean ainda não tinham recuperado quando chegaram ao seu quartel general, quando adentra um homem magro com excêntricas vestes douradas e uma afro vermelha de um lado e branca do outro.

          — Fwuhuhuhu cheguei motherfuckers, deixem a musica rolar — disse este personagem que dançava como se estivesse em uma discoteca.

           — Senhor Miror B. que surpresa...

           — Yo velho, que se passou nigga? Parece que foi passado a ferro por um caminhão fwuhuhuhuhu. Vamos ao que interessa motherfucker, onde está a garotinha que eu lhe pedi?

            — Lamento, mas não conseguimos completar essa missão.

            — Quê? Não estou gostando desse ritmo motherfucker, eu me lembro de lhe ter dado um trabalho, vai me dizer que uma das guildas mais respeitadas desta região falhou logo naquela missão que eu pedi?

            — Nós tivemos ela mas...

            — Silencio rapaz — Louis Pine, o mestre da guilda interrompeu T.J. que se preparava para revelar o que havia sucedido com Yellow e a Squirtle Shell.

           — Ora, vocês niggas me fizeram perder meu precioso tempo motherfuckers, agora vou ter de vos usar como exemplo para aqueles que me falharem saberem quem é o rei da disco Miror B.

            Ace se levanta para combater mas o seu mestre coloca-se na sua frente.

           — A culpa foi minha, eu aceito a punição, mas deixe os meus garotos fora disso, eu falhei a missão, não eles.

           — Mestre...

           — Não se preocupe comigo Ace.

           — Tudo bem velho, eu só lhe darei o castigo a si, os seus garotos lidam com os meus fwuhuhuhu

           — What? — O mestre olha para a entrada e vê mais três personagens caminhando para junto de Miror B. um homem de cabelos loiros e uma mecha vermelha da cor dos seus olhos, uma mulher também de cabelos loiros mas com uma mecha azul como os olhos e por último um outro homem de cabelos roxos.

            — Fwuhuhuhu estes niggas são Kyle, Selina e Slade, os meus motherfuckers, destruam tudo — ordenou Miror B.

            — Atenção!

            O grito do mestre da guilda coloca os seus membros em alerta, preparados para se defender.

             — Tsk, eles querem lutar com a gente? Já estou a arder por dentro — O guerreiro com a mecha vermelha no cabelo loiro é Kyle, o seu corpo estava coberto por chamas negras que deixou os membros impressionados.

             — Chamas negras? — Ace observava com atenção Kyle se caminhava lentamente na sua direção.

             — Sinta o poder do inferno... Flamethrower! — Kyle cospe chamas negras pela sua boca em direção a Ace que levanta voo — isso, me enfrenta, estou ardendo por si.

             — Air Slash! — Ace produz uma bola de energia com os ventos que o rodeavam e a lança contra o seu inimigo, este salta para trás fazendo o golpe chocar com uma mesa, destruindo-a.

             — Aquele é o Ace, dizem que ele é o mais poderoso dessa guilda, se fosse a si não o subestimava, Kyle — aconselhou a mulher, Selina.

              — Quanto mais forte o oponente, mais eu ardo de desejo de combater.

              — Você é ainda uma criança Kyle, precisa de crescer conforme sua idade, o mestre nos mandou destruir tudo, isto não é um combate, é um massacre — O homem de cabelos roxos, Slade, cujo seu corpo expelia fumaça da cor do seu cabelo, decorada com brilhantes — Poison Gas! — Slade direciona os braços contra os membros da guilda e da palma de suas mãos sai um gás roxo.

           — Não respirem esse negócio, é veneno — avisou o mestre tapando a boca e o nariz com o seu braço.

           — Se vocês não respirarem o golpe não tem graça... — Selina sobe a uma mesa e salta nas alturas — Diamond Dust! — Junta os braços produzindo uma chuva de cristais que é lançado na direção dos membros.

            — Water Pulse! — Misty se coloca na frente e produz uma bola de água, a lançando contra o golpe de Selina, no entanto a chuva de diamantes é mais poderosa e como uma lança acerta no peito da guerreira que cai no solo, sendo atingida pela fumaça.

             — Misty! — Duke avança com o braço na frente do nariz, tentando resgatar a ruiva mas logo Slade surge diante dele.

              — Toxic Spikes! — O homem dos cabelos roxos lança varias agulhas contra Duke, fazendo o motard cair inanimado — quem quer ser o próximo?

               — O próximo será você! — T.J. e Austin, os motards, atacam Slade em conjunto mas este desta vez usa as duas mãos para lançar os seus espigões, fazendo-os cair.

               — Pare esta loucura Miror B. eu lhe imploro — professor Pine estava com lágrimas nos olhos tentando chegar ao líder deste grupo inimigo que tinha um sorriso de orelha a orelha.

               — Parar? Fwuhuhuhu agora que a dança está perfeita? Ninguém pode parar a musica... Triple Kick! — Miror B. usa as suas mãos para fazer o pino e em seguida começa a rodar no solo, atingindo Pine três vezes com os seus pés, deixando o mestre apoiando-se em uma perna.

               — Mestre! — Ace voa na direção de Pine para o ajudar, mas é acertado por uma bola de fogo negro.

                — Mais devagar, você é meu, estou ardendo por si... Flame Wings! — Duas asas de fogo negro surgem nas costas de Kyle, este levanta voo e acerta com um murro no estômago de Ace, este responde com outro murro seguido de um Air Slash no estômago do inimigo — você é mesmo forte, isso me faz arder ainda mais... Flame wheel! — Com o seu corpo envolto em chamas,  Kyle se agacha em posição fetal e acerta em Ace, o projetando contra a parede da guilda, fazendo mesmo um buraco que os leva para a rua.

                — Ace! Vocês não irão vencer — Ainda cansado, Heath corre na direção de Slade com seus punhos prontos a atacar — Mega Punch!

                 — Poison Stone! — Slade projeta sua mão contra o solo, criando uma fila de rochas pontiagudas cobertas por um líquido roxo, na direção de Heath, este quebra-as com os seus punhos, mas agora o liquido estava no seu corpo — incrível, você quebrou minhas rochas, não sei se o congratule pela força, ou se o chame de idiota por usar o seu corpo como arma contra veneno.

            — Dr-droga... o meu corpo... não se move...

            — Seu corpo é grande e resistente, vou precisar de uma grande dose para o deixar de fora... Toxic Spikes! — Slade junta as duas mãos e dispara centenas de agulhas contra Heath, este cai sobre uma perna.

             — Que poder... preciso me mover... — Heath continuava fazendo esforço para se levantar, deixando Slade impressionado.

             — Você é ainda mais resistente do que eu pensava, a quantidade de veneno que lhe lancem é suficiente para derrubar um animal de grande porte como um Rhydon, mas você... parabéns de verdade, é uma pena não fazer parte do nosso grupo... Poison Point! — Slade caminha para junto de Heath, o seu dedo está coberto de uma aura roxa, ele toca na testa do seu oponente e vê suas pupilas desaparecerem, antes deste cair para trás com espuma saindo pela sua boca.

              — Heath não... — Lavana corria na direção do seu amigo mas logo tem de se desviar para não ser atingida pela chuva de diamantes.

              — Deixe o meu amigo se divertir, eu ainda não tenho par — Selina que havia disparado os diamantes estava em cima do palco da guilda.

               — Malditos... Lava Plume! — Lavana bate com o pé no solo, criando um caminho de geisers de magma na direção de Selina, esta salta para se desviar dos movimentos.

               — Diamond Dust! — A mulher produz novamente sua chuva de diamantes e os lança contra Lavana.

               — Fire Spin — Lava cospe um turbilhão de chamas que choca contra os diamantes provocando uma explosão que faz cair um pouco do teto da guilda.

                — Crystal Glare! — Selina coloca suas mãos no chão e quatro paredes de cristal surgem perfurando o chão em torno de Lavana, estas paredes se juntam formando um cristal, deixando a guerreira da Fearow's Beak lá dentro.

                — Que você fez com ela? — Perguntou o mestre.

                 — Ela agora não sairá mais desse cristal, quem lhe tocar, ele se quebrará assim como ela, em mil pedaços hahahaha — Selina estava orgulhosa de suas ações. Ela se juntava a Slade em cima de uma mesa, olhando para o edíficio que estava quase destruído e todos os seus membros no solo, feridos.

                Em seguida, Ace envolto em chamas negras, adentra pelo telhado, chocando no solo, completamente derrotado, Kyle entra pelo mesmo buraco se juntando aos seus companheiros.

                — Ainda estou a arder — disse Kyle que tinha um grande sorriso no rosto.

                 — Nem o Ace...

                 — Algum último pedido, velho? — Miror B. se aproximava de Louis, o encarando com seus óculos excêntricos em forma de asas douradas.

                  — Por que vocês querem aquela garota? Gostava de saber o motivo da destruição da Fearow's Beak, se nós vamos cair, quero saber a razão, penso que seja um pedido válido.

                   — Fwuhuhuhu claro motherfucker, eu lhe conto. Como você deve ter percebido, essa garota é especial, ela pertence a uma raça de seres fantásticos que os antigos chamam de místicos.

                   — Místicos? Pensei que fossem uma lenda, nunca pensei que existissem mesmo.

                   — Oh sim, existem, são poucos, por isso que os tentamos capturar.

        — Mas por que? Dinheiro?

        — Bom, o que fazemos com eles dá dinheiro sim, mas não é por isso que os queremos fwuhuhuhu, sabe, o sangue dessas criaturas têm partículas interessantes que são um ingrediente fundamental para a produção de cipher.

         — Ci-cipher... vocês estão fazendo essa droga com sangue de seres vivos? — o mestre estava chocado, ele mal se conseguia levantar mas mesmo assim o tentava — não posso permitir isso.

         — E quem me vai parar? Você? Fwhuhuhu morra! — Miror B. perfura o peito de Louis Pine com sua mão.

          O velho cai no solo olhando para Misty que ainda estava consciente, o mestre faz sinal para ela não se levantar e telepaticamente lhe comunica para pedir auxílio dos guerreiros da Squirtle Shell. Esta é a história que a ruiva conta, chocando os membros da guilda, os seus companheiros ficaram aos cuidados de Bill, o healer da guilda que os levou para o hospital, ela veio até Pallet, tentando buscar ajuda para vingar o seu mestre.

          — Me custa a crer que o meu amigo Louis tenha sido derrotado — Oak tentava esconder a tristeza e a vontade de chorar, se mostrando forte para os seus membros que estavam sem reação.

           — Tudo isto é minha culpa... se não fosse eu eles não teriam...

           — Não se culpe Yellow, você é apenas mais uma vitima desse monstro — disse Oak.

        — Avô, o que fazemos? — Perguntou Gary.

       — Vamos fazer o que deve ser feito, iremos para Orre — respondeu o professor olhando pela janela.

       — Irei preparar as minhas coisas — Gary prontamente se levanta.

      — Espere, se formos todos de uma vez iremos chamar demasiado a atenção, quero que um de vós vá para Orre e prepare de lá a nossa chegada.

      — P-professor — Ash se levanta e Oak olha para ele — eu gostaria de ir primeiro, no dia que eu encontrei a Yellow, eles a perseguiam e eu a salvei, tudo isto começou naquele dia, eu me sinto com a responsabilidade de ir.

     — Ash... — Yellow olhava com atenção para o garoto que com um ar determinado se oferecia para esta missão.

    — Pois bem, você irá logo pela manhã, mas tem de me prometer que não fará nada estúpido, chegue e se instale, investigue nas sombras o máximo que conseguir e nos avise de tudo Ash.

    — Ash eu...

    — Eu fico bem Yellow, prometo. Pode contar comigo professor.

    — Eu também irei — disse Misty — eu tenho o transporte que nos pode levar lá, e alguém tem de manter esse ai longe de perigo — mesmo com tristeza no rosto, Misty mostrava sinais de esperança.

   — Então descanse, você ainda está fraca — aconselhou Oak.


      Na manhã seguinte, Misty monta sua moto com Ash subindo nela, prontos para avançar, o garoto se despede de sua mãe que escondia as lágrimas, a ruiva acelera deixando para trás a Squirtle Shell que os observava desaparecendo no horizonte. No próximo capítulo começará a aventura nesta região coberta na sua maioria por um deserto, Orre.

1 comments :

Write comments
Boo
AUTHOR
22 January 2015 at 14:59 delete

Ótimo capítulo, toda a cena envolvendo a destruição da Fearow´s beak foi brutal. Foi um capítulo necessário para dar seguimento a historia sobre a Yellow, os motivos que fazem ela ser perseguida são bons, uma droga que aumenta a força dos lutadores ser feita a partir do sangue dela que é um ser místico.
Todas as lutas foram ótimas, a força mostrada pelos servos do Miror B foi muito grande, eles tem habilidades de lutas de um nível muito alto, e ainda com a Fearow enfraquecida.
Esse capítulo ampliou um bocado a mitologia da historia com esta revelação sobre a Yellow ser de outra especie diferente dos humanos.
Imagino como Ash e Misty vão interagir com Damon em Orre, grande capítulo.

Reply
avatar